Google+ Followers

sexta-feira, 3 de março de 2017

Aonde está o meu maior tesouro?

Durante o Carnaval, trabalho na equipe dos Pequenos Companheiros do ENEFE (Encontro Estadual da Família Espírita), que acontece aqui no Rio de Janeiro, sou do núcleo Abolição.

Estarei postando ao longo dos dias, as atividades que foram realizadas nesse encontro.

Para um quebra-gelo inicial, com objetivo de descontrair os evangelizandos, confeccionamos algumas figuras para que pudessem montar uma paisagem, optamos por usar um arco-íris grande recortado em sete tiras (cada tira com uma cor do arco-íris), sol, nuvens e gotinhas de chuva.






Escondemos as figuras em locais diferentes e explicamos que todos deveriam procurar juntos as figuras, reforçamos que todos os evangelizandos deveriam trabalhar juntos, em busca de um mesmo objetivo: montar a paisagem.

Quando todas as figuras foram encontradas, montamos a paisagem.

Com a paisagem montada, perguntamos: "O que encontramos no fim do arco-íris?" Concluímos que, como diz a lenda, no fim do arco-íris encontramos um pote de ouro. Prendemos um pote bem grande em baixo do arco-íris.

Dialogamos com eles, explicando que Jesus nos ensinou que a verdadeira riqueza é a que pertence ao espírito e nos disse: ”Porque, onde está o teu tesouro, aí estará também o teu coração". Essa frase foi escrita no pote e foi com base nesse ensinamento de Jesus, que pedimos que pensassem naquilo que consideravam o seu maior tesouro espiritual. 

Entregamos a cada evangelizando um coração dourado para que escrevessem suas respostas dentro (tivemos: família, amor, nome do irmão, nome do animal de estimação...), usando caneta permanente, e depois colaram os corações no pote.

Como é tudo muito dinâmico, nem sempre conseguimos tirar fotos durante a realização das atividades. 

Papel 40k preso na parede para a montagem da paisagem

Paisagem montada, já com os corações

Atividade finalizada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário, ele é muito importante para a avaliação do nosso trabalho!