Google+ Followers

domingo, 5 de março de 2017

DEUS – Provas de sua existência e seus atributos

A história foi contada utilizando uma cartolina desenhada com o cenário e os personagens foram fixadas no cenário com fita crepe, a medida que a história foi contada, inserimos os elementos e mudamos de lugar.


Começamos apresentando a nossa personagem.



Essa é a lagarta Berenice, ela vive em um lindo bosque, junto com outros bichinhos.

Vocês sabiam que a Berenice não acreditava em DEUS? Pois é, bastava algum bichinho dar "graças a DEUS" que ela logo dizia:

- "Graças a DEUS!" Como você pode acreditar em algo que nunca foi visto? Como pode ter certeza que DEUS existe?!

Acontece que um dia, Berenice estava andando pelos galhos, quando encontrou uma deliciosa folha bem verdinha. Parou e começou a saborear aquela folhinha apetitosa. (nhac, nhac, chomp, chomp). 



Foi então que a coruja Celina, que tirava sua soneca diária, 



abriu seus grandes olhos (colamos os olhos na Celina)



 e disse:

- Pelo amor de DEUS, será que você poderia procurar outro lugar para comer? Preciso dormir!

Berenice logo respondeu:

- “Pelo amor de DEUS?”, até você Celina? Tão inteligente, mas com esse papo furado de “DEUS”. DEUS não existe, por acaso você já viu esse tal de DEUS? Como pode acreditar nisso?

Celina resolveu então interromper seu soninho gostoso para esclarecer sua amiga.



- Berenice, se você observar um pouco vai conseguir ver DEUS em todos os lugares. 

- Celina, por favor, se DEUS não existe como é que eu vou conseguir vê-lo?

- DEUS é TODO PODEROSO, não existe nenhuma coisa mais poderosa ou tão poderosa quanto DEUS. ELE criou todas as coisas que existem, por isso podemos vê-lo em todos os lugares, olhe com atenção a sua volta...

- Estou olhando mais não estou vendo nenhum DEUS. O bosque esta do mesmo jeito de sempre. 

- Isso mesmo, mas saiba que tudo que você vê foi DEUS que criou, porque DEUS é SOBERANAMENTE JUSTO E BOM, tudo isso que podemos ver aqui no bosque, é obra de DEUS, ELE fez você, me fez e fez tudo isso que vemos a nossa volta. (usar a música “Ele Tudo Fez”) 

Ele tudo fez, / Fez com tanto amor / Quem ele é? /Nosso Pai do céu
Ele fez o sol, / O céu e o mar / Me fez também / Nosso Pai do céu 
- Se foi DEUS que criou tudo, quem criou ELE?

- DEUS é ETERNO. Ele não tem nem começo e nunca terá fim, pois se tivesse um começo, teria saído do nada, ou então, teria sido criado por alguma coisa superior a ELE. E DEUS é ÚNICO, não existem outros Deuses.

- Minha amiga Celina, você é muito inteligente, mas vai me dizer que esse tal DEUS que você acredita é sempre o mesmo, que nesses anos todos DEUS nunca mudou? 

- Claro que não Berenice, DEUS é IMUTÁVEL. ELE não muda, pois se ELE mudasse, as leis criadas por ELE e que regem o Universo mudariam e nós não nos sentiríamos seguros para cumpri-las.

- Entendi o que você falou, mas como é que eu posso acreditar em algo que meus olhos não podem ver?

- DEUS é IMATERIAL, ELE é feito de algo que nós não conhecemos, por isso não podemos vê-lo com os nossos olhos, mas podemos vê-lo com o nosso coração.

- Não sabia que o nosso coração tinha olho.  

- Como você é tola Berenice, nosso coração não vê DEUS, nosso coração sente DEUS, quando estamos passando por alguma dificuldade, sentimos DEUS em nosso coração, por isso pedimos socorro a ELE.

- Nossa! Quanta bobagem! Vou procurar outro lugar para comer e deixar você dormir, esse papo já deu...

E lá se foi Berenice, com a cabeça cheia, pensando no que sua amiga coruja falou, achando aquilo tudo uma grande besteira. Ia assim distraída, quando um vento pegou-a desprevenida e derrubou-a da árvore. Enquanto caia da árvore, Berenice apavorada, sem perceber gritou:

- Socorro! Meu DEUS, me ajude!

Berenice caiu em cima de um monte de folhas bem fofinho.



 De repente, tudo começou a fazer sentido, Berenice pensou “Eu não vi o vento, mas pude senti-lo, sua força me derrubou. E quando eu ia caindo, me deu um medo tão grande, que pedi ajuda a DEUS. Não é que a Celina tinha razão”.  

Berenice então começou a subir na árvore, precisava falar com Celina, saber mais sobre DEUS. Subiu apressada, estava suada e cansada quando encontrou Celina, que estava dormindo. Chamou pela amiga, que abriu os olhos, sonolenta:


- Ué, voltou?

- Sim. – disse Berenice – Preciso saber mais sobre DEUS, você pode me falar mais?

- É claro! (usar a música “Ele”)

Ele é o Pai de todos nós / Que uns chamam de Deus, de Criador / E outros o chamam de Amor, de Luz, de Vida / Mas Ele é um só e está entre nós / É fácil ouvir sua voz no coração

Eu ouço seu nome por toda parte, na voz que emana da natureza / Nas aves que cantam pelo ar, na pedra que silencia / Na voz de um menino a rezar, no som da vida

Ele é a paz no meio de nós / O bálsamo que alivia a dor / A luz na escuridão da vida / Com Ele ninguém está só, não importa a pessoa / É fácil sentir seu amor no coração

Eu ouço seu nome por toda parte, na voz que emana da natureza / Nas aves que cantam pelo ar, na pedra que silencia / Na voz de um menino a rezar, no som da vida

- Celina, você pode me ensinar a rezar? Agora que sei que DEUS realmente existe, quero muito agradecer a Ele por ter me criado e pedir desculpas por não ter acreditado nele antes.

- Que bom Berenice! A melhor forma de orar é contar para Deus tudo o que estamos sentindo em nosso coração. E não esqueça, ELE sempre nos escuta e como um PAI AMOROSO, com toda certeza já te desculpou.

Agora, Berenice entende e acredita em DEUS. Todos os dias ela conversa com DEUS e nunca esquece de  agradecer por tudo que ELE criou!



Dialogamos com os evangelizandos sobre o que aconteceu na história, verificando o entendimento deles em relação ao que foi falado e reforçamos os atributos de Deus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário