Google+ Followers

terça-feira, 27 de setembro de 2016

Construindo um Mundo Feliz

Criar uma maquete de um pequeno povoado usando um isopor, com ruas previamente desenhadas e no centro uma praça. Prender as casas (ver atividade "Construindo um Lar Feliz") em palitos e fixar na maquete deixando algum espaço entre elas.

Manter um diálogo com os evangelizandos, mostrando que ainda está faltando algo em nosso povoado. Como as pessoas que convivem conosco saberão que as amamos? Quando amamos alguém, basta que digamos isso à pessoa amada? Deixar que opinem livremente.

Levá-los a perceber que o amor exige demonstrações práticas, pois se dizemos amar um amigo, mas não estamos com ele nos momentos de dificuldade, não o tratamos bem, quando ele não está em condições de ser muito legal conosco, não procuramos ajudá-lo em nada, não procuramos fazer a vida dele mais feliz, então nosso amor é apenas da boca para fora.

Com sua vinda a Terra, Jesus provou, com atitudes, que ama a humanidade, porque demonstrou seu interesse de nos ajudar a evoluir. 

Será que adianta falarmos que amamos essa ou aquela pessoa, que amamos a natureza, se nossas ações não comprovam isso? 

Jesus nos disse para fazermos ao outro somente aquilo que gostaríamos que o outro nos fizessem. 

Pedir a cada um que pense em uma atitude, uma ação, um sentimento que demonstre o seu amor pelo próximo. 

Entregar uma árvore (com uma copa grande) a cada um para que escrevam ou desenhem o que pensaram, pintem e então plantem a sua árvore no povoado. 


As árvores serão coladas na praça e também nos espaços entre as casas, de acordo com a preferência de cada evangelizando.

Nenhum comentário:

Postar um comentário