Google+ Followers

sábado, 20 de agosto de 2016

A Florzinha Amorosa


Era uma vez três borboletas que voavam alegres de flor em flor num jardim. De repente, caiu uma chuva forte. As borboletas corriam para todos os lados à procura de um abrigo quando viram uma linda orquídea amarela onde poderiam pousar.


A Borboleta Amarela aproximou-se e falou com doçura: - Amiga Orquídea Amarela, nós podemos nos abrigar em suas pétalas até passar a chuva?
A Orquídea Amarela respondeu aborrecida: - Nada disso! Não sou guarda-chuva! Você não vê que sou uma flor rara? Procure outro lugar para se abrigar, a chuva é um problema de vocês.
As borboletas levaram um susto com a agressividade da orquídea. Voaram para longe até que viram um lírio muito branco.



A Borboleta Branca voou até o Lírio Branco e perguntou com brandura: - Sr. Lírio Branco, poderíamos nos abrigar nas suas pétalas até passar a chuva?
O Lírio Branco orgulhoso respondeu: - Você pode porque é branca como eu, mas as outras... elas não! Eu não me misturo!
A Borboleta Branca ficou decepcionada e disse: - Então nada feito! Só ficarei se pudermos ficar juntas.
E as três borboletas voaram juntas e viram uma linda Petúnia Roxa.



A Borboleta Azul resolveu se aproximar e perguntou: - Amiga Petúnia Roxa, será que poderíamos nos abrigar nas suas pétalas até passar a chuva?
A Petúnia Roxa respondeu gentilmente: - Claro que sim. Vou procurar abrir um pouco mais as minhas pétalas para poder abrigar vocês três. É uma grande alegria poder ser útil!
As três borboletas responderam juntas:- Obrigada, obrigada, obrigada...

As borboletas se abrigaram em baixo das pétalas da Petúnia, mas logo a chuva passou e o Sol bem forte apareceu, secando as asas das borboletas enquanto voavam alegremente. Uma grande amizade surgiu entre as borboletas e a Petúnia, que naquele momento sentiu uma PAZ muito grande.

6 comentários:

  1. Estou apaixonada por essa história,tanto que recontei para meus alunos,que ficaram encantados. Parabéns!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom! Fico feliz em poder compartilhar ideias que auxiliam. Obrigada pelo retorno!

      Excluir
  2. Respostas
    1. Desculpe, não entendi a sua dúvida. Você poderia explicar melhor?

      Excluir
  3. Bom dia! Gostei muito da história, mas para utilizá-la preciso do nome do autor... você pode me informar? Obrigada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa história foi retirada da apostila Educação do Ser Integral do Lar Fabiano de Cristo. Não tenho a autoria.

      Excluir

Deixe seu comentário, ele é muito importante para a avaliação do nosso trabalho!