Google+ Followers

sexta-feira, 18 de novembro de 2016

Eurípedes Barsanulfo

Essa aula foi aplicada pela companheira Cristiane Pedrosa. A proposta era,  a partir de um jogo, conhecer as características da personalidade. Essa ideia pode ser usada em outros temas e com outras personalidades. 

O nome da personalidade foi escrito no quadro branco de forma codificada.





Foram preparados cartões com imagens relacionadas a vida da personalidade. 

Cada evangelizando pegou um cartão com uma imagem, o evangelizador leu o texto específico na ordem abaixo, explicando cada uma das passagens sem citar o nome da personalidade. Após a leitura fez uma pergunta e propôs uma atividade para o evangelizando que estava com o cartão e entregou a ele um pedaço do código (ver no final da postagem). 


1 - Sacramento



Sacramento é uma cidade pequena no interior do estado de Minas Gerais, na qual nasceu a nossa a personagem que vamos conhecer hoje. Por outro lado, segundo a Doutrina Espírita, há muitas moradas na casa do Pai. 
Para conseguir sua parte do código, conte para nós:


Qual é a sua parte favorita do mundo? 
Descreva-o em detalhes e conte-nos uma história legal a respeito desse lugar.

2. Dona Meca




A Obra Social Dona Meca fica em Jacarepaguá, aqui no Rio de Janeiro, mas Dona Meca é a mãe da nossa personalidade de hoje. Batizada Jerônima, casou-se aos 15 anos, era epilética, tinha crises com desmaios.

As doenças são momentos difíceis, mas com Jesus nosso fardo fica mais leve e, através da prece sempre conseguimos nos sentir melhores. Agora é a sua vez, para conseguir a sua parte do código, sua tarefa é pensar em alguém que passa por problemas ou dificuldades e fazer uma prece por ela. 


3. 1880 a 1918





Esse foi o tempo vivido por esse espírito e amigo da Doutrina Espírita. Ele viveu a Abolição da escravatura e a Proclamação da República.

Agora é a sua vez... A sua tarefa para conseguir mais uma parte do código é a seguinte: Conte-nos qual é o seu dia especial, o que aconteceu nesse dia e como você se sentiu. 


4. Vicente de Paulo





Esse foi um de seus mentores. Um exemplo e um amigo. Cada um de nós têm um exemplo querido, alguém cuja história nos emociona e de quem não nos esquecemos jamais. 

E você? Quem é o seu exemplo?



5. Medicina





Ele sonhava em ser médico, mas a cada vez que tentava partir para estudar no Rio de Janeiro, sua mãe tinha uma crise de saúde e ficava muito doente. Por isso, desistiu de viajar e resolveu estudar medicina por conta própria. Nossa família é o nosso principal compromisso nessa reencarnação, e, muitas vezes, nos aborrecemos por não nos deixarem fazer exatamente o que queremos. Que tal nos contar quais são os seus sonhos? Você já conversou sobre isso com a sua família? 



6. Depois da Morte





Era católico e como o seu tio se tornara Espírita, começou a questioná-lo, por isso, seu tio lhe entregou o livro de León Denis, que o leu todo em uma noite. 

E você? Tem um livro ou texto favorito na Doutrina Espírita? Qual é? Por que é o seu favorito?


7. Bem-Aventuranças




Após ler o livro, decidiu visitar o centro espírita na fazenda onde seu tio morava. Então, com toda a força de seu coração, rogou a Deus, que João Evangelista viesse explicar as bem-aventuranças. Sua prece foi atendida, e ele, finalmente, compreendeu o que são ‘pobres de espírito’. E você, qual é a sua dúvida? O que você gostaria de saber a respeito da Doutrina Espírita que gostaria de perguntar?



8. Colégio Allan Kardec

  


O Colégio Allan Kardec é a primeira escola espírita do Brasil, foi fundado por nossa personalidade espírita em 1907. Nessa instituição as crianças estudavam, além das disciplinas convencionais, metereologia, faziam observações dos céus, teatro, aulas passeio, e ajudavam em tarefas diversas na comunidade. E você? Qual é o seu ensinamento favorito na Doutrina Espírita?



9. Evangelho e fenômenos de voz





Após assumir que era espírita e deixar a Igreja Católica, muitos de seus alunos saíram da escola. Foi alvo de preconceito, e pensou seriamente em fechar o colégio por falta de alunos. Uma noite adormeceu em cima da mesa, pensando no que fazer, quando acordou, havia um texto psicografado em cima da mesa: ‘Não feche o colégio, implante o estudo do Evangelho do meu filho todas as quartas, às 18 horas.’ Assinado, Maria, serva do Senhor.

Agora é a sua vez, se pudesse se fazer ouvir no mundo inteiro um recado de esperança, qual seria a sua mensagem? 


10. Mediunidade de cura





Com seus estudos sobre medicina, aprendeu muito, fundou uma farmácia de homeopatia e passou a auxiliar a comunidade, onde não havia médicos, hospitais e medicamentos. Com o passar do tempo a mediunidade de cura se desenvolveu e à inspiração dos espíritos o ajudou a curar diversas pessoas. 

A cura acontece, também, quando resolvemos nos modificar. Hoje, faço um convite, é hora de mudar, assuma um compromisso, diga-nos, o que você gostaria de modificar em sua vida?


11. Psicografia





Psicografia é a faculdade pela qual acontece a escrita de mensagens mediúnicas entre o mundo espiritual e o mundo físico. Enquanto Chico Xavier recebia, especialmente, livros e cartas; o médium que estudamos hoje atuava com a psicografia de receitas médicas e era assistido por Vicente de Paulo e Bezerra de Menezes.

Esse é o momento da pergunta: o que você gostaria de saber a respeito da Doutrina Espírita e ainda não perguntou?

12. Bicorporeidade





Em alguns casos  pode o  espírito  de um vivo dissociar-se de seu corpo material  e mostrar-se com todas as características  que apresenta em vida. É seu corpo espiritual ou perispírito  que se desloca e materializa-se. (ver Livro dos Médiuns, cap. VII, pergunta 119).


http://www.ceallankardec.org.br/glossario.htm


Nosso médium tem várias histórias a respeito de bicorporeidade, ele às vezes adormecia durante as aulas e ia atender doentes, fazer partos, saber notícias da grande guerra que acontecia na Europa. 

Você não pode estar em dois lugares ao mesmo tempo, mas podemos auxiliar a partilhar conhecimento, descobrindo a nossa personagem misteriosa junto com o grupo. Você ganhou o código para descobrir qual a personalidade secreta, mas cada um tem uma parte do código e, somente a união de todos os pedaços nos levará a resposta final. 

Lembrem-se sempre, ‘espíritas, amai-vos, eis o primeiro ensinamento, instruí-vos, eis o segundo.’






No final do jogo, os evangelizandos usaram o código para desvendar quem era a personalidade espírita. 


Após descobrirem o nome da personalidade, confeccionaram um cartaz com as figuras dos cartões.






Nenhum comentário:

Postar um comentário